terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Forro mala Gerard Darel

Inspirada numa mala que já tinha e que era funcional para mim, fiz o forro para esta mala.

Só precisei de tirar as medidas para determinar o comprimento e a largura de:
- 2 rectângulos para a frente e costas
- 2 rectângulos para as laterais
- 1 retângulo para a fundo da bolsa

Depois, no retângulo de trás fiz um bolso encondido por um fecho e outro visível para o telemóvel, muito útil em malas de grandes dimensões!

Cosi todos os retângulos uns aos outros.


Depois apliquei uma mola para fechar a mala que tirei de outra que já não usava, com um bocado de tecido (em plástico) que vou usar para as alças da mala. (A foto foi tirada no final do trabalho)


Antes de coser o forro, já todo montado, à mala, lembrei-me de fazer um vivo em castanho. Era uma oportunidade excelente para me estriar nos vivos. Acho que dão um bom acabamento e valorizam sempre a malas/roupas. E se não corresse muito bem, era só uma mala e raramente se iria ver.


Como não sabia como se faziam, inventei: cortei uma tira grande de forro castanho. dobrei-o ao meio e passei por dentro um fio de lã (o mesmo que foi usado para fazer a mala) e cosia o vivo com alinhavos à mala, exactamente no sítio onde o queria. Depois foi só coser o forro da mala por cima do vivo.

Felizmente correu muito bem, não podia estar mais satisfeita com o resultado.



No final cosi todos o forro à mão com 2 linhas. Acho que ficou bastante resistente. Se começar a ver que está a ceder, coso mais uma vez.

Ficam aqui outras fotos do interior da mala:


8 comentários:

Catarina disse...

Está linda!
Pelo menos por dentro... está fantástica!

Celina disse...

O vivo ficou perfeitíssimo! Que inveja boa, gosto tanto de ver vivos em acabamentos (de roupa inclusive) mas é daquelas coisas que tenho sempre medo que fiquem tortas... A ideia do fio de lã por dentro é uma óptima dica, nunca tinha pensado.
Acho que o forro todo está perfeito. Fizeste um excelente trabalho. Agora só falta mostrares a mala toda :)

CORTEYGRIF disse...

O improviso que deste com o vivo,ficou fantastico,realmente valoriza a peça,que curiosa para ver a mala hehehe!!
feliz noite
bjs
ROSA

Ana Carina disse...

Está a ficar espectacular! Linda!

Os vivos podem levar cordão por dentro ou não e podes usar daquelas fitas de viés (de debruar) para fazer os vivos.

Sem dúvida uma mala muito diferente com outro sabor...foi feita por ti e pela tua mãe.

Beijinhos

Anacah disse...

Oi Ana,
PArabéns pelo blog! Sou brasileira e tenho um parecido (modaprafazer.blogspot.com). Vou te adicionar na minha lista de lidos!

Bjs

Oficina das Linhas disse...

Olá Ana!

Que linda a mala, deve ter dado algum trabalho, mas o resultado ficou fantástico!

Beijinhos

Tany disse...

Está a ficar uma perfeição, Ana! Mal posso esperar para ver o que fizeste com as alças!!!
Beijinhos!

princesa das arábias disse...

Adoro esta mala do gerard, já a tinha visto no blog da Tany e também ficou linda.
Parabéns pleo blog!