sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

Bailarinas

À uns meses, quando estava a ver o blog da Celina, descobri as "bailarinas" que ela fez. Uns sapatinhos, de andar por casa, da revista Marie Claire Idees, feitos em tricô com uma fita em cetim para atar à perna, com um ar de sapatos de bailarina! Por essa altura decidi que, se algum dia aprendesse a fazer tricô, tentava fazer umas para mim.



À pouco tempo voltei a lembrar-me delas e pedi-lhe a receita. Ela foi muito querida e dispôs-se logo a judar, inclusivé com as instruções, caso eu não as percebesse. É que eu e instruções francesas...pois.

Felizmente a minha mãe andou às voltas com as instruções e, por tentativas, conseguiu descobrir como é que se faziam.

Radiante e cheia de vontade de pôr mãos à obra, fui a uma loja do chinês aqui perto de casa e comprei dois novelos de cor cinza, super macios.
Já tinha reparado que eles agora têm muita coisa de tricô: agulhas rectas e circulares, novelos... além de muita coisa para croché!
Mas, até aqui, tinha receio de fazer camisolas com novelos de lá. Não sabia se repunham o stock com regulariedade e como se dariam as lãs com o uso do dia-a-dia.
Confesso que as lãs se revelaram uma agradável surpresa. Apesar de não serem muito quentes, são muito agradáveis de tricotar. E para as sabrinas, em particular, até convém que a lã não seja muito quente, porque como são muito abertas, o ideal é usa-las nas meias Estações, quando não está nem muito frio, nem muito calor.
Utilizei um conjuto de 5 agulhas (muito típicas para fazer meias), mais curtas do que as normais e com duas pontas. Ao princípio parece uma grande confusão usá-las todas ao mesmo tempo, mas depois resulta tudo muito bem. Utilizei dois fios ao mesmo tempo, como pedia a receita. E no final, para deixar as sabrinas à medida do pé, fiz um pesponto, com linha elástica, ao longo de toda a abertura, como se pode ver na última foto.

Obrigada: à Celina, pela disponibilidade; e à minha mãe, pela ajuda com as instruções.

9 comentários:

Sismada disse...

Bem que lindas!!!
Não sei se algum dia me aventuro no crochet ao tricot uma confusão...
mas olhando para este resultado apetece tanto aprender ... pena não haver tempo ...
Vou vendo as vossas lindas obras...
Beijinhos

L* disse...

Ola amei os sapatinhos.
Sera que nao me podes dar o esquema?
Bjinhos da L*

andreia disse...

ficaram lindas!

CORTEYGRIF disse...

OLA ANA
Sempre achei as sabrinas muito delicadas nos pès,gostei das tuas com o laço ficou bem charmosa.
boa semana
bjs
ROSA

MDBC disse...

Oi Ana, finalmente voltei a ativa. Bom, pelo menos voltei a acompanhar os blogs. Minhas máquinas, por enquanto, estão guardadas, mas assim que der volto a costurar com tudo!!! Feliz Ano Novo e tudo de bom!!!

Bjos

Marcela Brasil

www.meusprojetosdecostura.blogspot.com

Celina disse...

Que bonitas! Gosto imenso dessa versão "dark"! E então, foi fácil, não foi? Fico contente por ter ajudado, não tens de agradecer.
Bjs

Ana's Closet disse...

Celina - Foi muito fácil fazê-las! A única dificuldade é desvendar como se faz o calcanhar, depois é num instante!

Cloé disse...

Que lindas ! Devem ser otimas para o frio que faz aqui no inverno . Adorei com as fitas ! Lindo trabalho! Foi dificil........Abraços

Tany disse...

Genial! Adorei as da Celina e as tuas não ficaram nada atrás!

Beijinhos